Lições de um viajante…

Artigo traduzido por: Pedro Urbano

Dedicatória: “À minha mãe, a quem devo a vida e tudo o que sou…”

Se há algo que pode mudar a vida das pessoas, são as experiências, sejam boas ou ruins, sempre deixam algo novo de aprendizado.

A experiência, que no caso mudou minha vida, foi me aventurar viajando como “mochileiro” pela Europa durante um mês. Certamente, alguns pensarão: Viajar? Isso mudou sua vida? Pois devo confessar que sim, mudou e de uma maneira que jamais imaginaria.

Graças a isso, consegui escrever uma série de artigos com cada um dos ensinamentos de vida que obtive dessa viagem e assim compartilhá-los semana em semana, para motivar os leitores a lutar por suas metas e o mais importante, convidá-los a nunca deixar de sonhar.

Logo abaixo, vocês encontrarão a primeira lição que quero compartilhar, espero que gostem…


1. Nem tudo se realiza quando desejado, mas quando se trabalha duro, pode-se realizar antes do que se imagina.

Em algum momento da minha vida, fui essa criança que, em uma das paredes de sua casa, tinha um enorme mapa-múndi colado, com figuras e recortes de todos os lugares que queria visitar. Meu maior desejo era viajar. Passava grande parte do tempo imaginando como seria a vida nesses desenvolvidos países europeus, suas culturas, idiomas, costumes, enfim, minha mente se encontrava mais tempo voando por todos esses lugares do que vivendo a realidade à minha frente.

someday

Da mesma forma que desde pequeno “plantei” a meta de viajar pelo mundo, existem pessoas que propuseram na vida objetivos de largo prazo, como construir uma casa, comprar um carro, aprender um novo idioma, perder peso ou inclusive abrir um negócio próprio, todos demandam perseverança e força de vontade.

Durante a jornada, é possível encontrar obstáculos no caminho para o sucesso, por exemplo: Quantas vezes um projeto é iniciado com entusiasmo e com o tempo simplesmente é abandonado? A falta de persistência é uma fraqueza muito comum, a maioria das pessoas já passou por tal situação, no entanto, o importante é manter vivo esse sentimento que nos permite ultrapassar qualquer barreira e assim, chegar até a meta.

A conclusão desse tipo de projeto pode tomar 5, 10 ou até 20 anos. No meu caso, foram 14 os anos decorridos para ver meu sonho realizado. Devo ser sincero e admitir que nunca pensei que poderia viver essa experiência sendo tão jovem, definitivamente a vida me surpreendeu. Com isso, reafirmei que os sonhos não chegam por mágica nem muito menos se alcançam de um dia para o outro, são como mencionei, a somatória individual de esforço, sacrifício, paciência e trabalho diário.

Austria

Considero que uma pessoa vencedora não é só aquela que atravessa uma meta em uma carreira atlética, a quem observamos a satisfação com suas conquistas materiais relevantes. Merecem essa qualificação todas as pessoas que silenciosamente, dia após dia, lutam para alcançar seus sonhos, batalhando com todas suas forças e sem nenhuma tentativa de desistir. No caminho, existe possibilidade de se encontrar muros e barreiras que podem despertar frustração momentânea, é quando se deve respirar fundo, tomar forças e partir novamente à batalha.

Para concluir: Se não é você quem começa a lutar pelos seus sonhos hoje, quem mais o faria?

Anuncios

Un comentario

Haznos llegar tu opinión sobre este artículo

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

w

Conectando a %s